fbpx
  • Home
  • O Governo e suas EMPRESAS: as intervenções de sempre!

O Governo e suas EMPRESAS: as intervenções de sempre!

14 de janeiro de 2021 admin 0 Comments

As empresas de capital misto, como é o caso do Banco do Brasil, tem participação do mercado, mas quem manda mesmo é o governo.

Por serem negociadas na bolsa, devem ser transparentes com seus resultados. Mas a prática, às vezes, é um pouquinho diferente…  E mesmo com a lei das estatais (13.303/2016), essas empresas servem como capital político. 

Sabendo que a qualquer momento pode haver um novo favorecimento político ou caso de corrupção, estão sempre em desvantagem. A interferência é SEMPRE ruim. Exemplos como o atual do BB não faltam.

O Banco do Brasil foi criado pela família real, em 1809, e devido a tantos desvios da Corte, o banco foi fechado em 1829, depois foi reaberto pelo Visconde de Mauá.  

Em 2013, o ex-presidente do BB, Benide, disse ‘que banco tem um papel de governo, de fato’. Porém abrir agências onde se ganhou a eleição ou forçar queda nos juros do varejo favorece quem?

Muda-se a instituição, mas a autopromoção permanece!

O caso mais famoso no Brasil é, de longe, a Petrobras. Inclusive é um dos casos de maior desvio de dinheiro do mundo !

Em 2014, após o início da operação lava-jato, a empresa teve prejuízo de R$21 bilhões, sendo R$6 bi apenas corrupção.

Outro fator que aumentou o prejuízo da empresa foi o controle de preços da gasolina entre os anos de 2008 a 2014. O preço externo era mais alto do que o preço nacional. O repasse ocorria com atraso, “na melhor das intenções” para frear a inflação…

Após mudanças de gestão,em 2016, a Petrobras, por importar e exportar uma commodity, decidiu  que os preços do diesel e gasolina acompanhariam os preços internacionais do petróleo.  

Entretanto, em 2018, uma das reclamações da greve dos caminhoneiros era justamente o preço do diesel, pois estava inviabilizando os fretes. O Governo decidiu, na época, não fazer tantos ajustes no preço do diesel.  

No setor elétrico também tivemos casos de corrupção. 

A Eletrobras entre 2014 e 2015 perdeu R$ 302,5 milhões de reais em desvios.

Suas subsidiárias, como a Eletronuclear, com a obra de Angra 3, levou o ex- presidente Temer para a prisão, em 2019!

Em 2015, devido às interferências políticas, as estatais Petro e Eletro, perderam, juntas, R$50 BILHÕES !!

Além do investidor perder o dinheiro, a sociedade é prejudicada. 

Entre as grandes estatais nacionais, após o ápice da operação lava jato, houve melhora na gestão corporativa, mas sempre há aquela incerteza.

Ainda no setor elétrico, em 2019, descobriu-se desvios de até R$ 850milhões na CEMIG.

Nesse esquema, um contrato foi superfaturado para uma empresa que distribuía o dinheiro, em espécie, para diversas pessoas.

Nas empresas públicas sempre há alguém ‘fazendo favor’, por isso conversar sobre a venda da empresa é tão desgastante !

No fim, quem paga a CONTA somos nós 🤡

Com esse tanto de dinheiro desviado e perdido certamente podíamos ter um país melhor. A corrupção faz com que o país gere menos OPORTUNIDADES!

O caso do BB é apenas a ponta do Iceberg. Por isso as privatizações são tão importantes!

Eletrobras: https://www.dw.com/pt-br/eletrobras-admite-perdas-de-mais-de-r-300-milh%C3%B5es-com-corrup%C3%A7%C3%A3o/a-36020476

Temer preso: https://g1.globo.com/economia/noticia/2019/03/21/paralisadas-obras-de-angra-3-sao-alvo-de-denuncias-de-corrupcao-e-superfaturamento.ghtml
50Bilhões: https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/economia/2016/04/02/internas_economia,525390/uso-politico-faz-estatais-perderem-r-60-bilhoes-em-2015.shtml

BB e Dilma: https://exame.com/invest/mercados/dilma-lembra-investidor-sobre-quem-e-que-manda-no-banco-do-brasil/

Papel de governo;

https://economia.estadao.com.br/noticias/geral,o-banco-do-brasil-tem-papel-de-governo-diz-bendine-imp-,1065278

Eletrobras na lava jato:https://economia.estadao.com.br/noticias/geral,eletrobras-esta-envolvida-em-dois-processos-na-operacao-lava-jato,70002271225

Petrobras: http://g1.globo.com/economia/negocios/noticia/2016/03/petrobras-registra-prejuizo-de-r-34836-bilhoes-em-2015.html

Cemig: https://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/nova-fase-da-descarte-apura-desvio-de-dinheiro-da-cemig/